ATF

Untitled Document ASSOCIAÇÃO DE TERAPIA DE FAMÍLIA DO RIO DE JANEIRO

1º Congresso Brasileiro de Práticas Colaborativas

Com foco especial nos 40 anos da Lei do Divórcio no Brasil, o congresso reunirá uma equipe de profissionais brasileiros e estrangeiros com prestígio e excelência comprovada.

Lembrando que a tese “Práticas Colaborativas no Direito de Família” foi vencedora na X Edição do Prêmio Innovare, pela sua relevância, atualidade e potencial transformador da sociedade brasileira, esta será uma oportunidade especial para debater as conquistas e desafios da gestão de controvérsias de natureza familiar, em uma sociedade em constante transformação, com a juíza Andréa Pachá e a historiadora Mary Del Priore. Os advogados Stuart Webb, Pauline Tesler e Ron Ousky, a psicóloga Nancy Ross e a financista Lisa Schneider, entre outros, aprofundarão o tema Divórcio Colaborativo a partir de suas experiências internacionais.

Os profissionais que lidam com gestão de conflitos familiares da área jurídica (advogados, defensores, magistrados, promotores, professores), da área de saúde (psicólogos, psicanalistas, terapeutas, assistentes sociais) e da área financeira (analistas financeiros, economistas, contadores), além de mediadores, estudantes e outros profissionais que lidam com famílias em situação de conflito, poderão aprender com os fundadores da prática, abrindo caminho para uma atuação profissional condizente com as demandas atuais de nossa sociedade.

Objetivo

Vamos juntos repensar a forma pela qual tanto as famílias como os profissionais vêm lidando com o divórcio ao longo desses anos e pensar o futuro deste tema à luz da metodologia colaborativa que, desde o início dos anos 1990, é praticada com sucesso em diversos países.

O abandono gradual da lógica adversarial por meio da aplicação de práticas colaborativas no Direito já é uma realidade. Cada vez mais famílias buscam as vantagens desta abordagem que preserva laços afetivos, permite que as pessoas sigam suas vidas reconciliadas com suas histórias e promove uma coparentalidade sadia, que prioriza e cuida efetivamente dos filhos. Todos saem ganhando: indivíduos, famílias e sociedade.

Os três dias de palestras serão divididos em painéis com a equipe multidisciplinar atuando com o objetivo de:

• Refletir sobre a trajetória do Divórcio no Brasil e seus caminhos futuros;

• Difundir o Divórcio Colaborativo como intervenção de natureza interdisciplinar, indicada para trabalhar com a multifatorialidade dos conflitos interpessoais e/ou de natureza familiar;

• Formar uma rede de profissionais, expandindo e consolidando a prática em âmbito nacional.

Evento com tradução simultânea.

Quando
9, 10 e 11 de novembro de 2017

Onde
Rio Othon Palace
Av. Atlântica, 3264, Copacabana - Rio de Janeiro

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário